Guerra Ubana – morrendo pela vida loka: conflito histórico entre instinto e civilização

Por: Agnaldo Quaresma

editorial-1

“Um mal endêmico e de difícil resolução”, assim define a violência urbana o pesquisador, turismólogo, membro-fundador da Academia Ludovicense de Letras (ALL) Antonio Noberto no prefácio do livro “Guerra Urbana – morrendo pela vida loka”. A obra escrita pelo repórter policial Nelson Chagas Melo Costa, retrata exatamente esta realidade caótica ambientada dentro de uma ordem. O fenômeno do crime organizado, que sustenta as guerras urbanas, possui tentáculos pelo mundo inteiro e chegou ao Maranhão com uma força devastadora.

Continue Lendo “Guerra Ubana – morrendo pela vida loka: conflito histórico entre instinto e civilização”

Quando a minoria tenta calar e representar a maioria…

Por Agnaldo Quaresma e Nelson Melo

campus-da-ufma

 Recentemente, a Universidade Federal do Maranhão (Ufma) foi palco de momentos de tensão devido a dois casos de estupros ocorridos em suas dependências. Nesse contexto, os estudantes, professores e demais servidores da instituição convivem diariamente com o receio de serem vítimas desta criminalidade. O recomendável, dentro desse cenário, seria a solicitação, por parte do corpo discente e docente, do policiamento ostensivo em todo o Campus.

Continue Lendo “Quando a minoria tenta calar e representar a maioria…”

Nota de repúdio, 31/03/2017

censura
Prezados amigos,

Há tempos convivemos com o descaso e desdém dos nossos professores e gestores. Junto a isso vivenciamos diversas tentativas de censura e omissão de informações de grupos organizados dentro da UFMA, grupos que agem de forma truculenta até mesmo contrariando e desobedecendo a normas baseadas na lei de acesso à informação.

Continue Lendo “Nota de repúdio, 31/03/2017”

Nauro Machado, o gênio maranhense.

Por Adonay Ramos Moreira

hqdefault

“Não há como não se assombrar com os versos de Nauro: há neles aquela força verbal que faz com que o leitor sinta tremer a sua própria inteligência. Seus poemas guardam, de longe, o mais inquietante mergulho na existência humana que as últimas décadas de nossa poesia conseguiu alcançar. ”

Continue Lendo “Nauro Machado, o gênio maranhense.”

Dia 31/03 na UFMA, lançamento do livro Guerra Urbana – morrendo pela vida loka

aplicacao_1

No próximo dia 31 de março, acontecerá, em São Luís, o lançamento do livro “Guerra Urbana – morrendo pela vida loka”. Apublicação, de autoria do repórter policial Nelson Chagas Melo Costa,investiga a realidade das guerras urbanas, com foco nos conflitos entre facções criminosas na região metropolitana de São Luís e em várias partes do território maranhense. O jornalista analisa o conceito de “vida loka” e sua relação devastadora com o crime organizado.

Continue Lendo “Dia 31/03 na UFMA, lançamento do livro Guerra Urbana – morrendo pela vida loka”

Tchékhov ou o elogio do cotidiano

Por Adonay Ramos Moreira

185932199

É de Gorki a feliz observação de que na obra de nenhum outro autor se revelou com igual força e maestria a tragédia dos pequenos acontecimentos da vida do que nos textos de Tchékhov. E nada é mais verdadeiro do que isso, em se tratando do autor de “O Jardim das Cerejeiras”, “A Gaivota”, “As Três Irmãs” e “Tio Vânia”.

Continue Lendo “Tchékhov ou o elogio do cotidiano”

“Nova direita” só terá impacto duradouro se não desaprender a pensar, diz José Lorêdo Filho, da Resistência Cultural

Editor da Livraria Resistência Cultural comenta a história e os valores da sua empresa e traça breve análise das perspectivas do movimento liberal e conservador no Brasil

jose-loredo-e-dom-betrand-1

Dom Betrand – segundo na linha de sucessão da Família Imperial – e o empresário e editor José Lorêdo Filho (Foto: Divulgação / Facebook).

Continue Lendo ““Nova direita” só terá impacto duradouro se não desaprender a pensar, diz José Lorêdo Filho, da Resistência Cultural”