A vida imita a Arte

Por Michael Amorim

7d650d_5abfd9e2982d4d6e9eddd640211e7ce7-mv2

Uma  geração  que  lê  “50  tons  de  cinza”  e  ouve  “Bum-bum  granada“, claramente  está  em  alto  nível  de  degradação  cultural.  O  pensamento Conservador entende que uma nação vazia de material cultural de qualidade, é uma geração fadada ao fracasso, à barbárie e à degradação moral. Num país habitado  por  estas  pessoas,  líderes  corruptos  sempre chegarão  ao  poder, mesmo sendo os mais incapazes e estúpidos possíveis.

Continue Lendo “A vida imita a Arte”

Anúncios

A esquerda e a negação da realidade. 2 +2 = 5.

Por Michael Amorim

7d650d_a3df214977544894b058afdece56d30b

Outro fator importante tem que ser ressaltado, a negação da realidade. O que é verdade de fato, o que aconteceu ou que o partido diz que aconteceu? Para os militantes de esquerda, o que importa é o que o partido diz.

Continue Lendo “A esquerda e a negação da realidade. 2 +2 = 5.”

O Declínio da Linguagem e o Teatro de Bonecos

Por Phellyp Martins

7d650d_da7ad5193c34418bb562b2372ed8a9c6-mv1

A linguagem articulada como a conhecemos hoje causou uma verdadeira revolução na vida do homem sobre a terra, transformando-o em um ser capaz de comunicar suas dores, felicidades, sofrimentos e dilemas.

Continue Lendo “O Declínio da Linguagem e o Teatro de Bonecos”

A livraria Resistência Cultural, de São Luís, participa do Podcast do Mises Brasil

A edição nº160 do podcast do Instituto Mises Brasil entrevista José Lorêdo, editor e proprietário da Livraria Resistência Cultural Editora, patrocinadora do Insituto Liberal.

7d650d_bedaa9ab097f472f836d62fccd005341

PODCAST 160 – JOSÉ LORÊDO

 A livraria e editora Resistência Cultural tem funcionado como uma importante trincheira das ideias da liberdade em São Luís e influenciado positivamente a região com os livros que vende, as obras que publica e os projetos que desenvolve em parceria, como o Expresso Liberdade.

Continue Lendo “A livraria Resistência Cultural, de São Luís, participa do Podcast do Mises Brasil”

O enxame das abelhas vermelhas, repetições e fetiches esquerdistas.

Por Michael Amorim

7d650d_e41dc5b77d094bf4b83fe1bde01503cc

Não é novidade que a esquerda adora protestar, “intelectuais” e militantes vermelhos compartilham de um verdadeiro fetiche por manifestações, sendo elas contundentes ou não, o que vale é protestar. Onde estiver um megafone ao alcance de dois ou três jovens que querem mudar o mundo, mesmo sem saber arrumar o próprio quarto, o palco está armado para o show começar.

Continue Lendo “O enxame das abelhas vermelhas, repetições e fetiches esquerdistas.”

A psicopatia da esquerda e os roubos sem autoria.

Por Michael Amorim

7d650d_d3ccaf80198f42b192077fea1caf8ffd-mv2

A esquerda brasileira adora protestar, seja fechando a avenida mais movimentada da cidade ou pichando paredes de prédios públicos, mas uma coisa nunca se vê nas manifestações de esquerda, associação do roubo ao bandido. O roubo aconteceu isso é inegável (embora haja quem negue, afinal de que importa se aconteceu ou não? O que importa é o que vão contar), mas nunca é feita a associação do crime ao criminoso.

Continue Lendo “A psicopatia da esquerda e os roubos sem autoria.”

MURRO EM PONTA DE FACA

Por Agostinho Oliveira

7d650d_cebf23b5b95842efa1c9e22fa47e7d4d

Os livros de história do Brasil produzidos pelo MEC romantizaram o episódio de 64. Durante a minha vida escolar secundária, era muito comum ler nos livros e escutar dos “nobres” professores, que a figura de Jango, representava a democracia, a luta pela reforma agrária, trabalhista e etc. Muitos professores, possuídos por um discurso utópico, carregavam em seus semblantes, a esperança de que o “Grande Irmão”, pudesse engendrar no mundo inteiro o seu projeto de poder.

Continue Lendo “MURRO EM PONTA DE FACA”